A importância do empreendedorismo no Brasil

Você está aqui: Home \Notícias
10 de fevereiro de 2016 por Davi Hoffman, 0 Comentário.

Compartilhe!

Muito se fala em empreender, do quanto isso é inovador e benéfico para a sociedade, do papel do empreendedorismo nos momentos de crise econômica e da importância de se desenvolver uma comunidade empreendedora. Mas o que é uma comunidade empreendedora? Quais benefícios ela traz para a sociedade? Qual a diferença entre empreender e abrir um negócio? Qual a relação entre a crise e o empreendedorismo? Qual a importância do empreendedorismo no Brasil?

 

Mas o que significa empreender?

O conceito de empreendedorismo é muito mais amplo do que a simples abertura de novas empresas. Ser empreendedor vai bem além de apenas possuir empresas. Empreender significa melhorar o desempenho, o ganho ou o lucro. Empreender é transformar rotinas de trabalho de forma que aumentem a produtividade. É ter ideias inovadoras e desafiadoras. É enxergar fora da caixa, ver além do óbvio, é apresentar soluções criativas e inovadoras.

Empreender é estar sempre pensando novas formas de encontrar soluções para qualquer coisa que afete a vida das pessoas. Atitudes empreendedoras trazem inovação, desenvolvem tecnologias e ajudam a movimentar o ecossistema do empreendedorismo no país, o que acaba trazendo mais segurança e incentivo à abertura de novos empreendimentos.

 

Diferença entre empreender e abrir um negócio

Basicamente, um empreendedor não abre uma empresa porque está desempregado e precisa encontrar uma maneira de fazer dinheiro. Esse geralmente é o comportamento típico de quem simplesmente abre um negócio. Bem diferente disso, um empreendedor abre uma empresa porque enxerga uma oportunidade e investe nela. Inclusive, é muito comum que empreendedores abram mão de empregos estáveis e bem remunerados para investirem nas ideias em que acreditam.

 

O empreendedorismo no Brasil e a crise

É natural que as pessoas tenham medo de fazer investimentos em momentos de instabilidade econômica, tais como o que estamos vivendo agora. Mas, contrariando essa lógica, crises econômicas podem trazer boas oportunidades para os empreendedores.
Pensem que as empresas, principalmente startups de tecnologia, geralmente surgem apresentando soluções para problemas. Problema é o que mais se vê em momentos de crise, portanto, empresas que oferecem novas soluções em tempos de crise ainda ajudam a reverter o quadro de instabilidades do país.
A crise geralmente atinge os setores mais tradicionais da economia, o que acaba gerando um aumento considerável no percentual da taxa de desemprego. Em contrapartida, a insegurança que isso gera acaba fazendo com que a população se mexa, busque soluções mais criativas para superar as dificuldades e, consequentemente, abra sua mente para adotar comportamentos novos e soluções alternativas. E isso é excelente no sentido de abrir espaço para os empreendedores que apresentam soluções não convencionais. O lado bom de se empreender nos momentos de crise é que, além de se contribuir para a geração de empregos, o empreendedorismo motiva o comportamento criativo da população.

Em um cenário onde existe uma comunidade empreendedora forte, as pessoas são mais motivadas a acreditarem em novas soluções. Para o Brasil, isso é particularmente bom porque ajuda a desmistificar o tabu que ainda existe em torno do risco de se empreender.
Portanto, não tenha medo! Se você tem um perfil empreendedor, uma ideia inovadora, e ela apresenta algum tipo de solução na qual você tem motivos para acreditar que trará benefícios para a sociedade, não hesite, empreenda!

 

Fonte: https://www.nibo.com.br/blog/importancia-empreendedorismo-no-brasil/

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *